• qui. mar 4th, 2021

Retrospectiva: veja as novas funções das redes sociais lançadas em 2020

ByMax Blanc

dez 28, 2020

A pandemia forçou as pessoas a não saírem de casa por um longo período em 2020. Mas, se por um lado faltou interação física entre as pessoas, sobraram interações através das redes sociais. Ao longo do ano, muitos lançamentos aconteceram nas redes mais famosas do mundo e novos recursos foram disponibilizados aos usuários

*Estagiário do R7, sob supervisão de Pablo Marques

Definitivamente, 2020 foi o ano do TikTok. Ganhando muita visibilidade com os memes criados durante a pandemia, o aplicativo foi o mais baixado ao longo do ano, de acordo com a App Annie, agência especialista em análise de tendências de aplicativos, deixando para trás o Facebook. A maior novidade do App ao longo do ano foi a criação da ferramenta de controle parental, ainda em fevereiro, o que permite que os pais monitorem o que os filhos adolescentes acessam e criam no aplicativo

Segundo aplicativo mais baixado do mundo em 2020, o Facebook ganhou uma nova interface, que conta com a opção do modo escuro. Além disso, um outro lançamento da rede social de Mark Zuckerberg foi a ferramenta de Lojas, ou Facebook Shops, que tem como objetivo auxiliar a criação de lojas online de comerciantes independentes na plataforma. Também foi lançada a reação de “força” para as postagens, recurso focado na demonstração de afeto durante a pandemia

Em 2020, o aplicativo de mensagens mais famoso do mundo teve três principais lançamentos. Um foi o WhatsApp Pay, ferramenta que permite, junto com configurações do Facebook, realizar transferências e pagamentos dentro do aplicativo, mas o recurso ainda não foi libera no Brasil. Outra novidade do app foi a opção para silenciar grupos e conversas permanentemente. O terceiro lançamento, mais focado no entretenimento dentro do aplicativo, foram as figurinhas animadas. Antes disso, todos os stickers não tinham movimento

 Muito famoso pelas fotos e efeitos que os usuários podem utilizar, o Instagram vem investindo cada vez mais nos vídeos. Os internautas já poderiam utilizar o IGTV e, em 2020, ganharam a opção de criar e editar vídeos através do Reels. Essa nova ferramenta chega para competir com o TikTok, uma vez que fornece aos usuários a opção de compartilhar vídeos curtos com efeitos e edição

No Twitter, o lançamento que mais causou impacto foi a ferramenta de tweetar áudios de até 140 segundos, recurso que gerou reações positivas e negativas dos usuários. Ao longo do ano a rede social lançou também um novo menu de compartilhamento, que tem como maior objetivo facilitar a interação com outras redes sociais, como o Snapchat

A maior novidade do Messenger, aplicativo de mensagens do Facebook, neste ano foi impulsionada pelo distanciamento social. O lançamento do Messenger Rooms, recurso que permite aos usuários realizarem videoconferência na plataforma, com a criação de salas sem limite de tempo, e com capacidade máxima de 50 pessoas. Além disso, é possível compartilhar, posteriormente, as chamadas de vídeo no feed do Facebook. 

Duas novas funções marcaram o ano de 2020 do YouTube. Uma foi a criação do recurso Meu Mix, disponível no YouTube Music, que cria listas de reprodução com base nos gostos e interesses dos usuários, partindo sempre de cantores que a pessoa já escutou. A outra foi a função Capítulos, que permite aos donos dos canais adicionar marcações específicas nos vídeos para que, assim, o usuário possa começar a assistir a partir do minuto que desejar com maior rapidez

Fale Conosco
Mande um WhatsApp